30 de abr de 2013

X-Men e O Casamento do Ano

Edição nº 136.1 Marvel

A edição em quadrinhos (HQ) da Marvel com casamento gay chegou para os brasileiros. Há quase um ano, a editora norte-americana vem anunciando no mercado que o x-man Estrela Polar e seu namorado Kyle iam se casar. Foi a primeira união formal entre personagens do mesmo sexo da Marvel.

A história original foi publicada em 20 de junho de 2012, e chega agora ao Brasil no especial X-Men Extra 136.1, pela Panini. A edição vai reunir as edições X-Men 48 a 51, X-Men Legacy 261 e New Mutants 37 e 38.

A revista está disponível nas bancas desde 18 de abril, com distribuição nacional.

Renato Russo vira filme Somos Tão Jovens

Legião Urbana
Urbana Legio Omnia Vincit *

Um dos maiores ídolos da música brasileira, o saudoso Renato Russo, é interpretado por Thiago Mendonça no cinema. Somos Tão Jovens estreia nesta sexta-feira (3/5/2013), criando expectativas entre os fãs da banda Legião Urbana e do cantor, e matando a curiosidade de alguns nos festivais e pré-estreias. No Rio, por exemplo, o longa-metragem foi exibido no cine Odeon na última quarta-feira (24/4/2013). Na internet, a fan page do filme já comemora 200 mil fãs, antes mesmo da estreia nacional.

29 de abr de 2013

Camionero (Short Film)

'Amigo da garotada...'

Bullying é o tema central do curta-metragem Camionero, mostrando uma tragédia consequente das torturas psicológicas e violências físicas sofridas por um garoto na escola. O assédio escolar ocorre inicialmente com um dos alunos, surpreendendo no final com a abrangência que esse tipo de comportamento pode chegar. Não é um filme alegre e sim um drama, quase terror, se pensarmos na realidade, com recorrentes casos de surtos entre jovens em instituições de ensino, culminando em mortes e tristeza.

28 de abr de 2013

Paris realiza a 1ª Feira de Casamento Gay

Feira do Noivo

Com a perspectiva em faturar 67 milhões de euros durante o ano, Paris é a primeira cidade a sediar uma feira dedicada ao Casamento Gay, apenas 4 dias após ter sido aprovado o casamento de pessoas do mesmo sexo na França. Chamado de G-Day, o evento aconteceu neste sábado (27/4/2013), assemelhando-se com as tradicionais feiras de noivas, com ideias de bolos, enfeites, viagens, etc. Tudo dedicado aos gays que querem um estilo de vida igual aos heterossexuais, com casamento, chá de panela, filhos, reunião de pais, e assim por diante.

"É um mercado totalmente novo para nós. Trata-se de clientes que normalmente não alcançamos. Também é uma forma de mostrarmos o nosso trabalho à comunidade LGBT e ficarmos conhecidos"; disse uma fotógrafa de casamentos presente na feira. A mostra traz os mais variados serviços: buffet, foto e vídeoconvites... além da moda para os noivos e noivas. Também versões virtuais e personalizadas para as redes sociais e internet em geral.

Sexy Gogo Boys

Tirando a roupa pra galera!

Eles são musculosos, dançam daquele jeito duro e sensual, geralmente também garotos de programa, profissionais do sexo, modelos, dançarinos... São conhecidos como lover boys, boy magia... Homens corpulentos, gostosos, dançando e tirando a roupa em striptease. Rebola, paga bundinha e esconde o pau... O corpo é sua ferramenta profissional usado, inicialmente, para a simples contemplação. Ao vivo, tem show com surpresa no final, onde o gogo vem de pau duro, gozando no palco. Outros são mais light, com os gostosos só rebolando no queijo da boate de tanga, empolgando e inspirando a galera a dançar, beber e enlouquecer com aquela visão do paraíso. Ou performances mais quentes, com direito a sexo explícito no palco ou em grupo, em público na festinha particular.

27 de abr de 2013

All Over Brazil (curta-metragem)

Meu filho não vai ser jogador de futebol?!

All Over Brazil (2003) é um curta escocês, exibido pelo canal londrino BBC, também conhecido como Brasil na Cabeça e Tudo sobre o Brasil. O filme conta a história de um menino que, inspirado nas bandas de rock, onde os integrantes são gays, passa a querer se revelar mas o pai... Este vive e só enxerga a Seleção Brasileira de Futebol e seus lendários jogadores (Rivelino, Pelé, Garrincha... onde se dizia na Copa do Mundo de 1974: "É Brasil na cabeça!"). Ou ainda, esporte de macho.

Versão Gay de Sex and The City!

Como não pensaram nisso antes?

A ideia é tão óbvia que logo pensamos: por que não fizeram antes, uma versão gay de Sex and The City? O piloto da comédia do canal de TV HBO foi escrito por Michael Lannan, produtor do polêmico documentário Interior, Leather Bar, estrelando Jonathan Groff, mais conhecido por interpretar Jesse St. James em Glee, outro grande sucesso de público, principalmente jovem.

George Michael

Sempre gato

Com mais de 100 milhões de álbuns vendidos, George Michael é um dos ícones da boa música, e referência também para os assuntos relacionados à beleza, moda e comportamento, pela forte identificação popular, desde os anos 80. Além da impecável e confortante voz, o cantor vem ao longo destes anos apresentando trabalhos substanciais, fazendo dele um astro internacional e global, no sentido de representar um voz mundial.

26 de abr de 2013

House of Morecock (Animated)

Cock, More Cock!

House of Morecock foi o primeiro longa-metragem no formato de desenho animado adulto ou pornográfico em DVD (2001). A animação pornô e gay foi criada pelo desenhista e ilustrador Joe Phillips, que já fazia quadrinhos e ilustrava contos eróticos de revistas, além de criador de arte para a DC Comics, pra Dark Horse Comics e para a Bud Life. Phillips lançou também os filmes Phuckamon e Stonewall & Motim: O orgasmo final (2006).

Antes do lançamento do longa (1999), o site Absolutely Male publicava originalmente curtas com animação em Flash. Já existia Jonas Morecock, ou traduzindo Jonas Pinto, o protagonista gay, loiro de olhos azuis, na faixa dos 20 anos, que investiga mistérios sobrenaturais. E a história sempre termina com Jonas fazendo sexo. Após o sucesso na web, os episódios foram lançados em DVD em 2001 sob o título completo A Casa de Morecock: As Desventuras Animados de Jonas Morecock. No ano seguinte (2002), o DVD foi premiado no GayVN Awards.

E não acabou! Em 2005 foram lançados também dois livros de arte (ilustração) sob os títulos Tales from The House of Morecock e Tales from The House of Morecock vol. 2, juntamente com um conjunto de cartões postais com o personagem título.

A série é considerada pornografia, e até hardcore, pelas cenas de sexo explícito em animação, mas a graciosidade do traço de Joe faz com que o filme seja visto de uma forma leve e, claro, com muito bom humor. As histórias são bem cômicas, divertindo e seduzindo ao mesmo tempo. Além disso, muitas enquetes fazem paródia com os grandes sucessos do cinema: A Pequena Sereia, A Bruxa de Blair, Godzilla , The X-Files, Titanic, Psicose e Jaws.

Veja o filme completo House of Morecock (53 min): 

25 de abr de 2013

Ben and Michael Story (cena pegação na sauna)

Homens pelados de toalha

Veja um dos trechos picantes da série Ben and Michael Story, com aquele momento da famosa pegação gay na sauna. Pra quem curte uma sauninha, spa, clubes e resorts... ficar andando só de toalha, peladão e em público... ficar manjando a rola e a bunda alheia... provavelmente já passou pela mesma cena...

Uniforme Seleção Brasileira 2013

Moda Futebol

Os eventos do Futebol 2013 conta com a Copa das Confederações Fifa, que já teve o primeiro amistoso entre Brasil e Chile ontem em BH, no estádio do Mineirão. A partida, segundo o narrador da Globo Galvão Bueno, foi só perfeição, bastante organizada, no primeiro jogo em um estádio oficial pronto. Mas em campo, não saiu-se do zero a zero (2 X 2) - a Seleção foi vaiada pela torcida, e sob vaias engoliram o decepcionante empate. Os jogos pra valer acontecerão entre 15 e 30 de junho, em seis capitais brasileiras: Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro e Salvador.

A Nike lançou em fevereiro deste ano a linha de uniformes oficiais para a Seleção Brasileira de Futebol, nas tradicionais versões canarinho (camisa amarela) e azul. A camisa azul tem duas opções de manga, com o punho amarelo ou também azul. É claro que o amarelão tem seu lugar nos corações brasileiros, e neste ano em especial, o design da camisa surpreende pela sacada mais fashion, com mangas de punhos tão largos quanto as faixas de capitão de time. No tutorial pra avatares de games, a 'faixa' verde nos braços é ainda mais larga. O agasalho também é bem bacana, com zíper até transformar a gola em rolê, e com listas laterias nos braços, com referência na concorrente Adidas. Gostei mesmo!


24 de abr de 2013

Men's Fashion 2014: Frankie Morello

Architectural Men's Collection
(Fall / Winter 2013 - 2014)

A última coleção Outono / Inverno da Frankie Morello trouxe padrões geométricos para as roupas masculinas, inspirados na arquitetura das cidades, das coisas e do próprio corpo masculino. Foram usados também tecidos de luxo, vidros e espelhos aplicados nas peças. O vídeo de apresentação também é bem legal, gerando visões em 180º dos modelos, mostrando as roupas com mais clareza.

Veja o vídeo de apresentação da coleção de Frankie Morello
Architectural Men's Collection Fall/Winter 2013-14

23 de abr de 2013

Cold Star (curta-metragem)

Ar de Spa

Cold Star é um curta-metragem alemão de 2011, que podemos colocar tanto na categoria gay, ou de arte. O short film, dirigido por Kai Stänicke, é um forte apelo para as questões íntimas e pessoais, mostrando a aceitação da identidade sexual de um garoto (o protagonista) e também de todos os outros personagens - os 'outros' também passam pelo mesmo conflito. A música homônima de Cold Star é de Din (A) Tod, pela Out of Line Music.

É um daqueles filmes que nem se pode falar muito pra não estragar a surpresa e toda a delicadeza dos seus belos momentos. Só adianto que não há cenas de sexo, nem de nudismo, comum a quase todo conteúdo rotulado gay, mas vele muito a pena conferir este resultado surpreendente e apaixonante. O vídeo, em formato híbrido para clipe musical ou fashion, mostra em poucos minutos muito da figura humana, das lições da vida, da maturidade de espírito... além de fazer uso de uma estética bem interessante, com lindas fotografias e fotografados. Ainda comparando com os 'filmes gays', também é diferente por ter um final feliz.

Veja o curta Cold Star (7 min):

22 de abr de 2013

Orgulho Gay em alta!

Mais orgulhosos do que nunca, com bons motivos pra comemorar

Estamos nos aproximando do Dia Internacional Contra a Homofobia (17 de maio), e dos festejos comemorativos do Orgulho Gay, geralmente ocorridos no mês seguinte, em junho (em alusão ao episódio de 28 de junho de 1969, a rebelião de Stonewall), com passeatas alegres em diversas partes do mundo e do Brasil, com a maior Parada Gay do mundo, na Avenida Paulista em São Paulo. Em especial neste ano, parece que os motivos de comemoração estão cada vez mais evidentes nas tendências globais, visto que nunca se viu tanta discussão sobre o assunto, e seus consequentes avanços na mudança de comportamento da sociedade e aumento da tolerância aos 'diferentes'. Se o caso Feliciano fosse há décadas atrás, certamente não teria tanta repercussão nos meios de comunicação (que também eram limitados antigamente), além de suas declarações serem consideradas naturais ao famoso 'bom senso' ou senso comum da época, e não uma 'aberração' política, como tem sido hoje. No nosso histórico de machismo, havia um tempo em que os homens nem podiam defender um gay, nem demonstrar  entendimento no assunto, que já eram logo considerados como tal - 'Tá me estranhando?!' - o preconceito em ciclo vicioso.

21 de abr de 2013

A arte pornográfica de Xavier Gicquel

Homopornografia

O ilustrador de desenhos homoeróticos Xavier Gicquel retrata os homens robustos, grandes e peludos, geralmente tatuados e super dotados. Personagens do tipo executivo à peões de obra (mecânico, encanadores, pedreiros, caminhoneiros, policiais, militares) são representados em cenas de sexo violento (hard sex) e excêntrico, também Leather (couro, látex, borracha e vinil), bondage, fisting, sadomasoquismo, ou tudo junto: BDSM - o 'sexo sujo' na pornografia. (Foto: Couro e Pérolas)

Apesar de um certo ar de exagero, é possível também prever cenas reais e tão hardcore quanto as retratadas na arte de Gicquel, indo além dos estereótipos. São personagens também presentes nos guetos e inferninhos gays (locais de pegação), chamando atenção pelo jeito peculiar. Imagina encontrar andando por aí um homem de calças de couro, mostrando a bunda peluda e com um colar de pérolas no pescoço... Um imaginário colorido, que nos lembra corpos ásperos e suados, salgados e sujos. De práticas sexuais feitas em segredo, ou em público, no rigor vibrante do submundo.

Gicquel produziu seu primeiro livro em 2006, intitulado Rough and Queeny, traduzindo sua própria arte e imaginário. Nascido em Paris, onde trabalha como ilustrador de revistas, Xavier já expôs na Europa e EUA, além de ser parte integrante do acervo da Tom of Finland Foundation, sendo Tom uma de suas grandes referências. Começou como ilustrador para design de moda, e possui hoje um acervo que vai desde uma tatuagem de motoqueiro com um cara sendo fodido, a tijolos da parede do quartinho dos fundos de um botequim. (Foto: Gicquel vencedor do Rubber Contest de 2007 - concurso de leathers)

Veja mais desenhos de Xavier Gicquel:

Catfish, a nova série da MTV

Real ou Fake

Como a geração atual, que adotou a tecnologia como meio de vida, encontra um amor? Possivelmente se conectando online com pessoas que nunca se encontraram pessoalmente. Nos dias de hoje, a troca de mensagens de celular substitui um encontro, e e-mails e conversas por redes sociais tomam o lugar de conversas cara a cara. MTV

Questões sobre o anonimato, e sobre o que é verdade ou mentira (fake) nestas andanças em salas de bate-papo (chats) e redes sociais, parece ser o ponto de maior atenção e identificação com o público. No site da MTV, a promessa é de '... que você vai ficar de queixo caído com as histórias de mistério, incerteza, perdão, alegria e revelações chocantes!', apresenta a emissora.

Os apresentadores Nev SchulmanMax Joseph 
Catfish é uma série que mostra os casais que se tornaram casais interagindo apenas de forma virtual, como pelo computador ou telefone, e o que acontece quando eles se encontram no real pela primeira vez. A série estreou no dia 11 de março deste ano (2013) aqui no Brasil, e em cada episódio, Nev Schulman, estrela do documentário Catfish, e o documentarista Max Joseph, acompanham o encontro na vida real de um casal que se relaciona apenas pela internet. O mesmo formato de outros reality shows com os apresentadores espiando tudo por uma tela de notebook.

E assim caminha a comunicação: a Internet falando da TV, dos palcos... os palcos falando da Internet e da TV... e a TV falando dos palcos e da Internet. Os realitys vão ainda mais além, tratando de forma mais íntima e atualizada no que diz respeito ao comportamento humano.

Veja o trailer da série Catfish - The TV Show:

Veja também o primeiro episódio com o encontro entre Jarrod, que é músico e pai solteiro, e Abby que conhecera pelo Facebook. Como o músico não pode viajar com a sua filha, Abby se comprometeu a ir para Georgia morar com o ele, para finalmente se conhecerem após um ano e meio de relacionamento virtual:


20 de abr de 2013

Doc: Um Lugar para Beijar

Saindo à caça

Dirigido por Neide Duarte, Um Lugar para Beijar revela os caminhos da sexualidade masculina pela cidade de São Paulo, a diversidade do mundo gay e os locais de pegação, as travestis, os homens aparentemente heterossexuais (másculos), a ameaça das doenças sexualmente transmissíveis e o preconceito que atravessa todos esses caminhos.

O curta começa quase como um filme experimental, com imagens em câmera lenta, ao som de uma locução com texto poético. O locutor fala a partir de um "nós", apresentando diversas facetas do universo masculino. Aos poucos, o filme se transforma em um documentário, com vários personagens dando depoimentos sobre vida sexual e íntima, com créditos identificando o entrevistado para o espectador. Fala-se de um mundo que pode ser considerado underground (locais escondidos, escuros - darkrooms, ideais para as relações anônimas, sem compromisso, e usados para encontros gays, 'caçassão' - desde bailes e cinemas de pornografia até cemitérios, ou lugares abandonados e desertos) a partir daqueles que o frequenta, incluindo os agentes de prevenção de doenças sexualmente transmissíveis. São histórias pessoais e íntimas, de homens casados e bissexuais, que transam com outros homens, de jeito aberto ou enrustido.

Veja o curta-metragem Um Lugar para Beijar (28 min):

19 de abr de 2013

Jesus Luz

Capa revista Junior nº 50

O modelo e dj (há controversas) galã Jesus Luz, capa da revista Junior nº 50 deste mês, teve sua fama sob o namoro com a mega star e diva Madonna. O modelo carioca tem contrato com a agência Ford Models, e em 2009 desfilou para a Dolce & Gabbana, na Semana de Moda de Milão, rendendo uma atuação no clipe musical de Celebration.


Em 2010, Jesus Luz assinou contrato com a Record Entretenimento para o lançamento do seu primeiro disco com músicas mixadas por ele mesmo, com distribuição pela Warner Music.

No ano passado, 2012, fez par romântico da cantora Inna, em seu vídeo da música Caliente, sendo escalado também para o remake da novela Guerra dos Sexos na Globo. Antes, já tinha feito participações em Ti ti ti e Aquele Beijo.


A Capa

Quanto a beleza do rapaz, acho que não há mais dúvidas, mas a capa merecia ser mais bonita...

Muitos dizem que não acham lá grandes coisas nele, mas digo que é um dos olhos mais fantásticos do mundo das celebridades - verdadeiramente de gato, reluzentes, de 'luz'. E quanto ao talento para virar uma celebridade, ou simplesmente um famoso, com certeza é um excelente modelo e... muito lindo!

Filme Eternal Summer

Juvenis

Eternal Summer é um romance chinês que conta a história de dois homens, amigos desde a escola primária, e uma amiga que chaga no mesmo momento da infância, e também para ficar. Na escola, a regra era que o melhor aluno tinha que tomar conta do pior. Assim começa o relacionamento entre Jonathan (Bryant Chang) e Shane (Joseph Chang). Conforme eles vão se descobrindo no mundo de delicadeza do sentimento juvenil, a entrada da garota desperta também para o reconhecimento da paixão.

Veja o filme completo Eternal Summer
com Legendas em Espanhol (sub español):


Estreia mundial: 13 de outubro de 2006Produção: Taiwan
Direção: Leste Chen  Roteiro: Cheng-Ping Hsu

Eternal Summer
Sinopse: Três estudantes do ensino médio experimentam os benefícios e armadilhas do amor, em uma história sobre amizade e saudade. Jonathan, um rapaz estudioso que vive em uma aldeia costeira no sul de Taiwan, a pedido de sua professora, apoia o rebelde colega Shane. Dez anos depois, o que no início era uma obrigação, tornou-se uma amizade calorosa, com Jonathan ainda monitorando o desempenho acadêmico de Shane, que também encontrou sua vocação na quadra de basquete. Nascida em Taiwan, a aluna Carrie chega de Hong Kong para se juntar a sua mãe depois de um desentendimento com seu pai, e foi transferida para a mesma escola da dupla de amigos. Ela faz amizade com Jonathan e o convence a juntar-se a ela em uma viagem secreta para Taipei. Através dele, conhece depois o amigo Shane, entrelaçando suas histórias, desconfianças, segredos e paixões, fazendo o trio tendo que rever suas histórias sob toda uma nova luz." (Adapt.)

18 de abr de 2013

Tom of Finland - o filme!

TOM coming soon

Vem aí TOM, título do filme biográfico sobre Touko Laaksonen, o maior artista homoerótico da história, conhecido no mundo todo por Tom of Finland. Ele é o autor de várias imagens que viraram ícone entre os gays, sendo também referência obrigatória na História da Arte Erótica. Tom, o talentoso desenhista e ilustrador dos anos 80, será interpretado no filme por Olli Rahkonen (foto), dirigido por Vesa Kuosmanen e Henri Huttunen, em uma produção da Special Film Company. Metade do orçamento é de parcerias internacionais, com o restante vindo de investidores privados da Finlândia.

Desenho de Tom com os tradicionais homens fardados
A expectativa é grande, principalmente pra quem conhece bem sua vasta obra, esperando encontrar todos aqueles personagens e seus auto-retratos (personalidades) no longa metragem. Já a estética não poderia ser outra diferente do estilo Leather (Couro), fortemente retratado e formatado pelas mãos de Tom. Até hoje são feitos filmes, vídeos pornográficos, coleções de moda e design inspirados no ambiente Tom da Finlândia, com policiais usando caps e luvas de pelica, bigodes, calças apertadíssimas revelando um volume sempre colossal. Tom era exagerado, porém num truque indecifrável conseguia criar imagens verdadeiramente críveis e incríveis. Além disso, a impecável limpeza e clareza na sua arte, com desenhos limpos e luminosos (um submundo ou porão clean). Suas ilustrações homoeróticas excitam e, ao mesmo tempo, ensinam 'como se faz' para quem as vê - uma arte erótica didática.

A previsão para o filme estar nos cinemas é de não antes de 2015. As filmagens serão feitas no ano que vem, 2014, sendo lançado mundialmente no ano seguinte. Por enquanto, ficamos com o gostinho do teaser de lançamento, e com algumas informações da produtora, na verdade sobre a própria vida de Tom: "Quando jovem, ele lutou na guerra e teve relações sexuais com seus colegas soldados, finlandês ou alemão. Durante sua vida adulta, ele dividia-se entre a carreira como desenhista publicitário, pianista de bar, e um gênio criador de desenhos homoeróticos".

Tom será sempre lembrado pelo couro, pelas botas de couro, músculos enormes e bundas redondas de macho, pelo volume na calça apertada (...e pelo grande volume) e, principalmente, por ser o primeiro artista a tratar exclusivamente do humor gay, de maneira alegórica, porém não caricata, levando seu imaginário inusitado para a Alta Artes Plásticas (Fine Art).

Veja TOM Movie Teaser da Special Film Company:
Veja também:

17 de abr de 2013

Desfile de homens de calcinha e sutiã

Lingerie for Men

Homens fortes e másculos desfilam vestidos só de calcinha, sutiã, ou com a lingerie completa, incluindo o hobby e a adorável tanga atochada na bunda. Foi no Salão Internacional da Moda, em Las Vegas, esta semana, no desfile da HommeMystere, uma marca especializada em vender lingerie para o público masculino. E não é direcionado só para gays ou crossdressers, mas para homens heterossexuais, com o hábito de usar peças íntimas femininas.

A HommeMystere promete confeccionar roupa íntima (calcinha, sutiã, baby doll, meias finas, etc.), porém com modelagem específica para o corpo dos homens. Eles, em geral, tem as costas e ombros mais largos, não tem seios, nem quadril... sem falar do genital, precisando de um espaço maior do que a parte da frente das calcinhas tradicionais.

Tem mulher que gosta de usar cuecas em casa porque é mais confortável. Outras usam até pra sair, e a indústria de roupas íntimas criou a cueca feminina, uma espécie de sungão de renda, seda, algodão... adaptado ao corpo das mulheres. A proposta da HommeMystere é a mesma, no sentido contrário: a lingerie para homens ou calcinha masculina.

Veja um trecho do desfile da HommeMystere no salão de moda em Las Vegas:

Veja também  o vídeo promocional New China Doll Lingerie for men:

16 de abr de 2013

Coisas que menos gosto em vídeo pornô

Bad Porn Moments

O mercado pornográfico passou por diversas fazes, desde sua emancipação tipográfica, com as revistas de sacanagem, filmes pornôs e, agora, os vídeos da Internet. Aquela velha história de que vídeo pornô é usado para esquentar o casal é quase lenda. Particularmente, a função destes vídeos de sexo explícito é mesmo para acompanhar a masturbação masculina ou, no máximo, como chamariz para aquela visitinha desejável.

Muitos homens, principalmente gays, usam como truque deixar revistas de sacanagem em locais estratégicos da casa, vídeos pornográficos à disposição, caso recebam alguém casualmente, podendo mostrar o que deseja, sem precisar verbalizar. Imagina receber em casa uma dupla de mórmons, bem cedinho no sábado, com o pau ainda duro de 'tesão de mijo'... Se a visita gostar da ideia e for tímida, ficará mais fácil ela mesma iniciar o assunto: sexo. Outros tentam combinar punhetas em duplas ou em grupo, em frente ao computador, na Web ou na TV, mas sempre com aquela vontade de espiar o pau do outro e, se rolar... um boquete, uma trepada. Apenas desculpas esfarrapadas, daquelas que adoramos ser enganados ou, pelo menos, fingimos. Para estas situações, cabe também comentar de dois locais, caso esteja longe de casa e, ou no centro da cidade: cinemas pornô e cabines eróticas. Isso se não forem direto pro motel, ligando a TV no famoso Canal 3 do circuito interno.

Mas ver o filme enquanto rola a própria meterola, acho pouquíssimo provável. Até porque, se é durante, não estamos vendo filme nenhum e, sim, fazendo! Mas para a punheta de cada dia, onde imaginar já não basta, os filmes e vídeos pornográficos podem ser um grande aliado. Ainda mais para nós homens, com a visão aguçadíssima no lado voyeur (como se fosse um cachorro com a língua pra fora) e, principalmente, para a putaria. Conhece algum homem que gosta de transar com as luzes apagadas? Até nos darkrooms ou cinema, a maioria gosta de conferir primeiro o visual às claras (no banheiro ou na entrada), para depois irem à caça. Sim! Somos muito ligados ao que vemos, e é por isso que a porno-grafia faz tanto sucesso entre os homens (geralmente, mulher não curte ver filmes eróticos). Generalizando, o objeto de desejo do homem tem que ser palpável, visível, enquanto as mulheres usam de artifícios menos tangíveis, mais abstratos para se excitarem. Ou um exemplo bem explícito: um homem se masturba pensando na foda (na vagina, na bunda, na rola, no boquete...); já uma mulher poderia gozar apenas se lembrando do tilintar das taças, em um brinde fantasiado com o príncipe encantado.

Assim, se a função dos vídeos pornográficos é mesmo servir como ferramenta masturbadora, tem alguns detalhes ou erros de edição ou de filmagem que funcionam como verdadeiros brochantes. São aquelas partes do filme que somos obrigados a avançar no vídeo, cortando o clima da punheta. Algumas destas partes são realmente indesejáveis pra maioria, outras, só uma questão de gosto.

(já que desgosto, também 'cada um tem o seu'):

15 de abr de 2013

Filme Cut Sleeve Boys

Parceiro Ideal

Cut Sleeve Boys (Garotos dos Sonhos) é um longa metragem do Reino Unido de 2006, onde dois gays britânicos chineses decidem reexaminar suas vidas após a morte de um amigo. O filme, uma comédia romântica, é do diretor Ray Yeung, com o elenco principal: Chowee Leow, Steven Lim (foto) e Gareth Rhys Davis (foto, com olhos vendados).

Veja o filme completo Cut Sleeve Boys
com legendas em Espanhol:

Sinopse:  Mel Ash são dois amigos gays que começam a olhar para si mesmos e a se questionarem acerca do verdadeiro significado de toda as marcas de grifes que enchem seus armários. Mel, é um gay com o ego do tamanho do mundo e acredita que a vida é um espetáculo deslumbrante, onde ele é sempre o protagonista. Rejeita o amor de Todd, um rapaz provinciano que se muda para Londres para estar com ele, trocando-o por sexo rápido e botox. Mas por quanto tempo mais poderá Mel ficar desfilando feito uma top, já que as suas olheiras são maiores que as suas bolsas Gucci? E quem estará à sua espera no final do arco-íris? Ash está farto da cena gay onde reinam os corpos bombados e as dietas da moda. Ash conhece Dane, um transexual dos seus tempos de universidade que namora um machão sexy com look straight. Poderá a sua incursão à toca dos travestis trazer-lhe o homem da sua vida? (Adapt.)

14 de abr de 2013

Cantores: as maiores vozes masculinas do Brasil

Os melhores cantores nacionais
Minha Lista

Lista inspirada na variedade da música brasileira, antiga ou atual, e nos intérpretes que mais me emocionam com suas preciosas vozes e artesanato no canto, seja pelo fato de serem inconfundíveis, ou pela maestria em fazer das suas cordas vocais uma ferramenta única e revolucionária. Foto: MC Catra

Este grupo de mais de 25 vozes masculinas da música nacional pode ser separado em algumas categorias, como o timbre de voz, ora mais grave e colossal, ou mais fino, sutil e repleto de simpatia. Vozes de cantores atuais, ou daqueles que já faleceram, tornando-se imortais com o legado fonográfico. Ou ainda, daqueles artistas que nem podemos considerar cantores, como é o caso dos MCs que são MCs e não deixam de ser vocalistas, e suas vozes avassaladoras.

13 de abr de 2013

Calhambeque (curta metragem)

Amor de Diva

No clima de 'jovens gays querem se tornar Divas e serem estrelas da noite, ao som de Madonna, Whitney Houston, Toni Brexton e shows de drags como Salete Campari', o filme conta a história de amor entre um desses jovens: Pedro (Diógenis Yrvyng).

O curta metragem usa como contribuição narrativa e pano de fundo uma noite de concurso de drag queens. Durante a participação e imagens do concurso, onde Pedro concorre como Lisa Crazy (foto), é contado também seus conflitos amorosos, capazes de serem revelados em lágrimas no próprio palco, em pleno show. A produção é de 2009.

Veja o filme Calhambeque completo (30 minutos):

Filme Garotos de Programa

Estrelando River Phoenix Keanu Reeves
Michê de rua e cinema cult

My Own Private Idaho (Garotos de Programa) é um filme de produção independente (EUA) de 1991.

Dirigido por Gus Van Sant, tem no elenco os ainda bem jovens: o Matrix Keanu Reeves, e o protagonista River Phoenix, que chocou o mundo das celebridades dois anos depois (2003), quando o jovem e promissor ator morreu de overdose de heroína e cocaína (Speedball). O caso na época ganhou bastante repercussão na mídia, principalmente nos tabloides exageradamente bafônicos, já que estava do lado de fora da boate Viper Room, em Hollywood, onde um dos sócios era o ator Johnny Depp (Piratas do Caribe).

River Phoenix Keanu Reeves
Conduzido de maneira brilhante, cheio de sacadas artísticas, poéticas, teatrais e introspectivas (texto e imagens), o filme, catalogado como drama, trouxe algumas novidades cinematográficas, podendo ser rotulado também como cinema arte ou filme de arte - 'cinema cult'. É utilizada a mesma estética das capas de revistas pornográficas gays do final dos asnos 70.

A espetacular participação de Udo Kier também é outro ponto que merece destaque. O filme ganhou 9 prêmios entre 1991 e 1993, sendo 3 de Melhor Ator para River Phoenix, premiado pela Independent Spirit Awards, pela National Society of Film Critics Awards e no Festival de Veneza. Em 2011, uma exposição intitulada Unfinished, com 12 horas de material inédito do filme, incluindo cenas deletadas, cenas alternativas e bastidores, estreou na Gagosian Gallery em Beverly Hills. Unfinished também foi dirigido por Gus Van Sant e James Franco,  ficando por dois meses em cartaz.

Veja o filme My Own Private Idaho
(Garotos de Programa) Completo / Legendado:
Homem RG no Youtube
Sinopse  River Phoenix e Keanu Reeves são as estrelas desta impressionante história do diretor Gus Van Sant (Gênio Indomável), a respeito de dois jovens garotos de programa que ganham a vida nas ruas. Mike Waters (River Phoenix) é portador da narcolepsia, que provoca ataques de sono profundo quando tem emoções muito fortes. Ele sonha encontrar sua mãe que o abandonou enquanto vive às voltas com Scott Favor (Keanu Reeves), obstinado filho do prefeito de Portland. Scott torna-se seu grande objeto de desejo. Na amizade nascida da sobrevivência na marginalidade, a homossexualidade também é parte integrante do enredo desta película. Navegando em um mundo volátil de viciados, ladrões e mendigos, Mike leva Scott em uma jornada direto das ruas para as estradas abertas da América em busca de um lugar distante chamado "lar". Inovador e visualmente surpreendente, Garotos de Programa traz um olhar único a respeito do amor sem limites e da vida marginal (à margem da sociedade).

12 de abr de 2013

1º Casamento Africano Tradicional Gay

Cerimônia Zulu

A pequena cidade de KwaDukuza, também conhecida como Stanger (KwaZulu-Natal, África do Sul) celebrou em grande estilo um casamento entre dois homens (sábado, 5/4/2013).

Foto: os recém-casados Modisene e Sithole
selando a união com um beijo no altar

Foi a primeira cerimônia aos moldes tradicionais, com danças e protocolos primitivos (dos seus ancestrais africanos - como faziam quando viviam em tribos) com um casal de jovens do mesmo sexo dizendo "sim". O que já não era mais comum até entre os heterossexuais, foi resgatado de forma especial neste Primeiro Casamento Tradicional Africano Gay. Se comparar com a cultura brasileira, seria um casamento gay dentro do cerimonial indígena, incluindo o 'Muquiado' (confirmando que estão prontos para o matrimônio), ou ecumênico, já que por aqui fazemos Congado com Rosário, com reis, santos, pais de santo e crentes.

Modisane esperando no altar
Na África do Sul, o casamento gay é legalizado desde 2006. Mas o analista de TI Tshepo Modisane e o auditor fiscal Thoba Sithole, ambos de 27 anos, foram ao altar perante 200 convidados, da maneira que fazia o povo Zulu, seus ancestrais, em uma cerimônia tradicional africana. Eles vão adotar o sobrenome Sithole-Modisane, assim como os filhos, que eles pretendem ter por meio de uma barriga de aluguel. “Não víamos razão para viver na escuridão, já que não há nada do que se envergonhar. Nosso casamento é emblemático, pois mostra que homens gays africanos podem construir uma família por meio de um casamento amoroso”, contou Modisane para a imprensa internacional que registraram a festa.

Veja a matéria do eNews Channel Africa:
Veja também:

Buck Angel, um homem com vagina

Macho Pussy

Buck Angel experimenta a Sybian Machine, uma máquina de sexo na forma de um cavalo mecânico, onde o usuário senta num pênis de borracha (vibrador), durante um programa de TV (foto). No canal adulto, o pornstar transex disse ter chegado ao orgasmo. E que tipo de transexual é Buck Angel?

Os especialistas definem o transexual como aquele que tem por identidade de gênero o sexo oposto - 'mulheres' que nasceram no corpo de homem, ou 'homens' que nasceram com físico feminino. Assim, as cirurgias no corpo, hormônios e operações para mudança de sexo são indicadas para resolver esta identificação controversa. Mas Angel viveu como mulher muitos anos, insatisfeita, chegando a entrar no mundo das drogas e do alcoolismo. Desde criança, até seus 15 anos, Buck jogava futebol com os colegas, já se comportando desde sempre feito um menino - para Angel, ela era um menino. Com a não aceitação da sociedade e da família, tentou suicídio na escola, levando seus pais a quase o internar numa clínica psiquiátrica, sem saber da existência dos tratamentos para a disforia de gênero, como a reposição hormonal, por exemplo, além de terapia específica.

Angel tornou-se um cara musculoso, tatuado, e ainda usa um super bigode. Assemelha-se aos fortões hardcore, que esperamos encontrar um anel peniano contornando seu sexo. Mas o astro pornô surpreende quando abaixa as calças: ele tem uma vagina ao invés de pênis. Respondendo as perguntas dos apresentadores do programa de TV, ele não se define como mulher e, sim homem, e não se considera homossexual, por gostar de transar com homens (mas é casado com a tatuadora e piercer Elayne Angel). Resumindo: uma mulher transex não operada heterossexual, porém, com a transexualidade, gay. Entendeu? Buck Angel é simplesmente uma das figuras mais intrigantes que já vi, e talvez seja justamente por isso, que o transmen chama tanto atenção - uma incógnita!

Ele questiona o que é sexo masculino / feminino que, no caso dele, reúnem-se os dois e, mesmo com uma vagina, define-se um homem - será que o sexo de cada um de nós será sempre considerado pelos nossos genitais? O mundo avança... Monstro hoje é aquele que é contra ao casamento gay e à total liberdade de expressão - os defensores da 'família e dos bons costumes'. Neste ritmo, não fica difícil prever que esta definição de tipo de sexo relacionado ao pênis ou vagina pode ser bem diferente há anos futuros. Talvez um registro quando criança, de acordo com aquilo que o bebê apresenta ao nascer, e outro após o indivíduo se definir sexual-mente, trocando ou não de sexo (fisicamente), mas com a possibilidade de mudança nos documentos ou confirmação - como acontece no catolicismo com o batismo e depois a crisma. 'Ela nasceu mulher, e depois alterou o registro para homem', ou 'Ele nasceu homem e manteve-se homem'...

Buck Angel antes e depois
Nascido em 1972, Buck Angel é considerado um female-to-male ou FTM - traduzindo: uma mulher-homem  transexual. Além de ator de filmes pornográficos, Buck é produtor e ícone LGBT. Ele também é fundador do Buck Angel Entertainment, uma produtora de filmes da sua própria linha de vídeos adultos, e mais recente, no ano passado (2012), de um site de namoro para homens transexuais, o BuckAngelDating.com. Buck foi premiado no mercado pornográfico de 2007 a 2010 no AVN Awards como Performer Transsexual do Ano, e trabalha também como advogado, educador, conferencista e escritor. Seu filme de maior destaque foi a versão pornô para o filme gay Brokeback Mountain de 2005, com o título Buckback Mountain (2008), ganhando como Melhor Álbum Alternativo e Melhor Lançamento Especializado no GayVN Awards.


11 de abr de 2013

Esculturas e bonecos homoeróticos de Fernando Carpaneda

Homoerotismo Masculino

Homoerotismo é a atração erótica entre pessoas do mesmo sexo, tanto entre homens como entre mulheres. O termo é especialmente usado quando representada uma manifestação nas artes plásticas e visuais, na literatura, como uma vertente temática e estudada no campo acadêmico.

Foto: escultura Biker Jerking Off (Coleção permanente da The Tom of Finland Foundation, 2012).

Esta terminologia em inglês tem consagrado outros termos como gay studies, lesbian studies e queer theory... que buscam estudar as correlações entre a homossexualidade e produções artísticas, estendendo o seu campo de análise a outras formas de expressão como sociologia, história, antropologia, psicologia, medicina, filosofia, e até direito civil e político.

Jerking Off, 2009.
Mas a questão principal destes rótulos criados nas academias de arte, 'homocultura', 'homoerotismo', 'arte homoerótica'... é meramente artístico-estética. Como explica Thomas Mann no ensaio Über die Ehe ('Do Casamento') de 1925, onde ele afirma que, enquanto o homoerotismo é estético, a heterossexualidade é textual.

Nem sempre uma obra homoerótica é explicitamente erótica ou pornográfica. A tela 'São Sebastião' de Carlo Saraceni (c1610-15), por exemplo, é uma imagem do santo católico espetado por flechas, e considerada pelos estudiosos como homoerótica. Por outro lado, a chamada Arte Homoerótica, bem como a Arte Erótica, podem ser sinônimos de expressões artísticas com temática e, ou estética pornográfica.

10 de abr de 2013

Filme Minha Vida em Cor de Rosa

Completo / Legendado

Minha Vida em Cor de Rosa traz a questão da sexualidade sob a ótica da homossexualidade, mais especificamente da transexualidade, frente à aceitação ou tolerância social. Do diretor A. Berliner, o filme conta a história de Ludovic Fabre (George Du Fresne - foto), um garoto de sete anos que não se reconhece como menino e, sim, uma menina.

Ele se sente e se comporta como uma garota (identidade de gênero feminina). Com o tempo, e pela infância, Ludo vai enfrentando o mundo, que requer sempre formatos predeterminados, sofrendo todas as consequências disso. Uma delas é na própria escola, onde ele chega a ser agredido fisicamente, além do torturante bullying. Tudo por causa da sua natural transexualidade.

Du Fresne como Ludovic
O longa trata não apenas da questão da sexualidade, mas principalmente das relações família e sociedade, da pressão social para que tudo e todos sejam perfeitamente enquadrados dentro das estruturas convencionadas, onde os diferentes são rejeitados, desrespeitados e ignorados sistematicamente.

Vale a pena ver de novo esta história emocionante, principalmente pala atuação do astro mirim Du FresneVeja o filme Minha Vida em Cor de Rosa (completo e legendado):

Veja também:

Jeff Stryker (full movie)

'80 Pornstar

Ele está listado na 'minha lista' Especial Pornstar: Os melhores do cinema pornôJeff Stryker foi um dos maiores galãs do mercado pornográfico gay dos anos 80. Neste filme, vintage ou retrô, Power Tool, o pornstar nos brinda com diversas cenas inesquecíveis de sexo explícito, no meio de um presídio cheio de putaria, além da impecável beleza do próprio corpo - um dotadão contracenando com outros também roludos.

Como o filme é antigo, a versão completa possui também algumas cenas extras de fodas entre outros astros, solo, tomando banho, batendo punheta, pagando boquete, gozadas, trailers, e um making off do filme Power Tool no final - tudo muito especial e histórico. Confira!

Veja tambémEspecial Pornstar:

Os melhores do cinema pornô (minha lista)


Relacionados: fuck porn porno gay vintage antigo filme completo astro classic classico classicos sucking suck big monter cock

Gifs Animados de sacanagem

Causando na Web

Os Gifs Animados são a grande sensação nas redes sociais, principalmente no Twitter, causando impacto imediato nas mensagens instantâneas. GIF é um formato de imagem estática ou animada que, se for traduzir ao pé da letra, seria 'formato para intercâmbio ou troca de gráficos' (Graphics Interchange Format).

Esta tecnologia de imagem virtual foi introduzida pela empresa CompuServe em 1987, entrando definitivamente para o ambiente Web. Os contadores de visita animados, são um exemplo de gif com animação, até aqueles com a Terra girando, com as marcações dos locais do globo que geraram view. Mas, em geral, as gifs funcionam para chamar a atenção do internauta, principalmente quando o fluxo de informações é frenético. No Twitter, por exemplo, as gifs são usadas também como foto de perfil, traduzindo o assunto do momento, como personagens de novela, do Big Brother, políticos e humoristas, ou de pequenos trechos de filmes e vídeos de todo tipo, inclusive pornográficos.

Foda com o Incrível Hulk
É como se fosse uma manchete de jornal, impossível de não ver, pelo fato de estarem em movimento no meio de outras imagens estáticas. Nosso cérebro faz nossos olhos priorizarem aquilo que está se mexendo, como um instinto de proteção - se está se movimentando, é porque pode 'me pegar, me atacar, me comer', digamos. Assim, em uma tela com outras imagens paradas, aquilo que estiver animado vai chamar atenção primeiro, como acontece na maioria dos anúncios de Internet.

No caso dos vídeos pornôs, separei alguns gifs com imagens e ações de homens, sozinhos, em dupla, trio ou em grupo, sempre de forma sexy, erótica, gay e, ou pornográfica. São partes de filme de sacanagem ou vídeo pornô, onde os poucos frames (quadros) são suficientes para deixar quem gosta do assunto bem interessado. Veja mais imagens Gif e divirta-se:

9 de abr de 2013

Prazer Oral

Enchendo a boca

Sabe-se que o prazer oral é o primeiro a ser despertado em nós, desde a fase da amamentação. Depois a chupeta, a mamadeira, o dedo... Daí vem a explicação da origem de todos os outros prazeres adquiridos através da boca, mesmo de forma inconsciente, ou alterada com as nossas vivências.

Além do sexo oral e do beijo, é comum ver filmes com cenas de cuspe na cara, na boca, no pau ou no cu. Uma demonstração de submissão hardcore e prazer relacionado ao nojo. Neste sentido, há também a fantasia de urinar no outro (chuva dourada), onde é comum ver os praticantes beberem o xixi. Ou a famosa pistolada na cara e na boca, botando a língua pra fora ou virando o rosto pra levar rôla na cara. E os prazeres em chupar um pau ou lamber e até morder uma bunda, enfiar os dedos, ou a mão toda, na boca do outro, sem esquecer da podolatria, onde o objeto de desejo e também de felação são os pés.

Em apenas 3 minutos e 15, o vídeo Gay Hot Jizz Cum Swallowing mostra quase todos estes prazeres possíveis usando a boca, língua e saliva. É um trecho de filme pornô, onde os caras (trio) pagam boquete, gozam na boca, se beijam e lambem peitinhos, cospem... tudo 'junto e misturado'.
Veja o vídeo:



E se você curte mesmo um hard sex, com cuspidas e engasgadas, veja também o que os pornstars Lucio Saints e seu amigo puto Nicolas Taxman fazem com a boca:




Postagens relacionadas:
Lucio Saints

Filtros:
Boquete 
Beijo
Cuspe